[Resenha] A Verdade Sobre Nós - Amanda Grace



Título: A Verdade Sobre Nós
Autor(a): Amanda Grace
Páginas: 208
Editora: Intrínseca

Madelyn Hawkins está cansada. Cansada de ser sempre perfeita. Cansada de tirar A em tudo. Cansada de seguir à risca os planos que os pais fizeram para ela. Madelyn Hawkins está cansada de ser algo que não é, algo que não quer ser. E então ela conhece Bennet Cartwright. Inteligente, sensível, engraçado. A seu lado, ela se sente livre e independente. Uma história que poderia muito bem ter um final feliz, não fosse por um detalhe: Maddie tem apenas 16 anos, e Bennet, além de ter 25 anos, é seu professor. Pressionada pelos pais a participar de um programa para jovens talentos, Maddie pula dois anos do Ensino Médio e vai direto para a faculdade, onde conhece e se apaixona pelo professor de biologia. O sentimento é recíproco, e para dar uma chance àquele novo relacionamento que lhe faz tão bem, ela decide não contar para Bennet sua idade. Não demora muito para que as coisas comecem a dar errado, e as consequências da farsa de Maddie ganham contornos devastadores quando a verdade vem à tona.


Tinha acabado de ler Estudo Independente da Joelle Charbonneau quando decidi pegar A Verdade sobre Nós para ler. Estava passando por uma ressaca literária daquelas e precisava de um livro rápido e leve que me ajudasse a superar...hahahah. A Verdade sobre Nós cumpriu esse propósito!
 

Madelyn Hawkins é uma típica adolescente de 16 anos americana. A protagonista da história criada por Amanda Grace é bem clichê, incompreendida por seus pais, inocente em relação aos garotos, inteligente e dedicada na escola, enfim uma adolescente certinha tentando encontrar-se. Madelyn não possui nada de especial além de sua inteligência e sua idade. Avançada em seus estudos, a adolescente é selecionada pelo seu colégio para entrar no programa Running Star, programa esse que a permite entrar na faculdade comunitária de sua cidade antes mesmo de terminar o Ensino Médio.

É difícil decidir o que ser quando você só se destaca naquilo que não quer ser.

Madelyn está animada com as novas possibilidades, descobertas e liberdade que a faculdade irá lhe trazer. Uma dessas “descobertas” ocorre em sua primeira aula de biologia. Não, ao contrário que você possa pensar, a garota não se depara com um mundo inteiramente novo a respeito de células, genética e evolução. O que ela é descobre é Bennet Cartwright, mais conhecido como o seu professor de biologia. Vocês já conseguem imaginar no que isso vai dar né? Confusão na certa!

Garotas inteligentes não deveriam fazer coisas estúpidas.

Madelyn se apaixona pelo belo e sexy professor, e o sentimento é recíproco por parte de Bennet. O problema... não, o problema não é que ele é professor dela, mas sim que ele é dez anos mais velho do que a garota, que é menor de idade! Madelyn com medo de ser rejeitada decide, então, esconder ou omitir, esse pequeno detalhe de Bennet, que acredita estar se envolvendo com uma universitária de dezenove anos. Tal segredo terá consequências desastrosas, principalmente para Bennet.

Foi assim conosco. Um dia, éramos duas pessoas separadas. No seguinte, nos esbarramos, e nenhum de nós teve a menor chance.

O que dizer do livro? Como já falei antes essa é uma excelente leitura pós-ressaca literária. A Verdade Sobre Nós é escrita em forma de cartas, nas quais Madelyn decide contar à Bennet e aos que ela chama de “eles” – seus pais, autoridades policiais e nós leitores – a verdade a respeito do relacionamento dos dois, ou a versão dela desta verdade. Eu não gosto muito desse tipo de escrita, mas a autora conseguiu me prender mesmo assim. A curiosidade de ver como ia se desenvolver esse relacionamento tão único, e na minha opinião bizarro - bizarro porquê tenho dificuldades de aceitar que um relacionamento tão desigual poderia dar certo - fizeram com que eu não me importasse com a escolha de narrativa da autora.

Amanda Grace conseguiu atiçar minha curiosidade logo nas primeiras páginas. O amor proibido entre esses dois, os segredos e os encontros furtivos me deixavam empolgadíssima, pelo menos até a metade do livro. Apesar de todos os segredos, a história é leve e simples, uma gracinha. Mas chegando na metade, comecei a me desanimar. A história continuava boa, mas ainda faltava acontecer muita coisa que eu queria que acontecesse, e tudo estava andando devagar demais para o meu gosto... hahaha. Na segunda parte da leitura o relacionamento dos dois finalmente começou a se desenrolar. Desenrolou-se do jeito que eu esperava? Mais ou menos, já que eu quis jogar o livro longe por causa do final. Não foi assim que eu escrevi o final na minha cabeça!!!! hahaha. Tirando esse pequeno detalhe, o livro é bom, vale a pena ser lido.


Veja: meu pai tinha os cigarros e minha mãe, o vinho. E eu, bem, eu tinha você.

6 comentários:

  1. Genteee!! Passada!!! Amei, amei - Professor vs. Aluna - revoltada contra a família, que combinação sensacional!!! Quero já!! Arrasou na resenha!!
    Beijos, Bru - www.naoemprestolivros.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gente do céu sou louco nesse livro desde uma vez que vi o Geek Freak indicando ele, ai vocês vem e fazem uma resenha dessas, é para me falir mesmo neh!? Affs como é ruim você querer ter um livro e não ter dinheiro ahauahuahauahaua. Beijos meninas, a resenha está ótima.

    Abraços, www.meninoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, Lili!
    Já ouvi falar desse livro e gostei bastante da trama apesar dos clichês. Esse amor proibido e intenso, cheio de descobertas... Adorei!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Lili, eu já falei minha opinião sobre, né?
    Em suma, vale o passatempo, mas me chateou esse livro kkkk eu esperava bem mais (mas bem maaais mesmo!). Contudo, indico a todos que leiam, até porque opinião cada um constrói a sua.
    Esse livro me chateou tanto que falei dele no meu livro no Wattpad kkk, se quiser dar uma olhada: https://www.wattpad.com/175301955-um-menino-leitor-desventuras-liter%C3%A1rias-cap%C3%ADtulo

    Abraços,

    Pedrim
    http://www.pedrimoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Vi esse livro por 10 reais no sebo e, depois da sua resenha, estou completamente arrependida de ter deixado ele lá.
    Amo essas histórias clichês pra quando a ressaca bate forte. E quem nunca se interessou num professor gato, né?
    Adorei a resenha. Bj.

    http://umleitornooceano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Menina,que loucura hein!? Haha
    Achei meio clichê,confesso.Mas as vezes até as histórias mais clichês contadas com uma boa narrativa faz com que seja uma "viagem" super bacana.
    Talvez eu não leria esse livro,mas acredito sim na diversão de quem o lê.
    Parabéns pela resenha.
    Beijo.

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

© Meninas na Literatura | Layout por A Design e Ilustração por MK Designer