[Resenha] Namorado de Aluguel - Kasie West


Título: Namorado de Aluguel
Autor(a): Kasie West
Páginas: 250
Editora: Verus
Quando Bradley, o namorado de Gia Montgomery, termina com ela no estacionamento do baile de formatura, ela precisa pensar rápido. Afinal, ela vem falando dele para suas amigas há meses. Esta era para ser a noite em que ela provaria que ele não é uma invenção de sua cabeça. Então, quando vê um garoto esperando pela irmã no estacionamento do baile, Gia o recruta para ajudá-la. A tarefa é simples: passar por namorado dela — apenas duas horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. Depois disso, ela pode tentar reconquistar o verdadeiro Bradley.
O problema é que, alguns dias depois do baile, não é em Bradley que Gia está pensando, mas no substituto. Aquele cujo nome ela nem sabe. Mas localizá-lo não significa que o relacionamento de mentira deles acabou. Gia deve um favor a esse cara, e a irmã dele tem a solução perfeita: a festa de formatura da ex-namorada dele — apenas três horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas.
E, justamente quando Gia começa a se perguntar se pode transformar seu namorado falso em real, Bradley reaparece, expondo sua farsa e ameaçando destruir suas amizades e seu novo relacionamento.
Inteligente e maravilhosamente romântico, Namorado de aluguel retrata a jornada inesperada de uma garota para encontrar o amor — e possivelmente até a si mesma.




Gia é a típica garota popular, superficial, que está sempre preocupada com o que as pessoas pensam dela e bem pouco preocupada em notar quem está ao seu redor. Sua vida é perfeita, sua família é normal, ela nunca teve um sofrimento ou dificuldade grave na vida. É por isso que quando seu namorado Bradley termina com ela no dia da formatura seu mundo parece desabar. Ela não pode aparecer diante de suas amigas sem seu misterioso namorado, isso seria seu fim!

Desesperada, Gia encontra um garoto no estacionamento e o convencer a fingir ser seu namorado por uma noite. O que ela não esperava é que o desconhecido garoto nerd ocuparia mais espaço em seus pensamentos do que o verdadeiro Bradley. O que levou Hayden aceitar participar desta farsa? Ela conseguirá conquistar o namorado postiço, que parece ser imune ao seu sorriso?


Comprei esse livro por causa da capa, que é super fofa, e porque a maioria das resenhas que li a respeito falam bem da história. Quando comecei a ler não conseguia entender porque as pessoas tinham gostado tanto, já que parecia apenas mais um livro adolescente em que a personagem principal é chata e metida. Porém, com o desenrolar da trama me apeguei a história e não consegui mais largar.

Sim, Gia é bem irritante no início, principalmente porque sua maior preocupação não é com o bem alheio, mas com sua imagem diante das amigas. Por isso ela inventa uma mentira que a acaba enredando e bagunçando sua vida. O bom é que todo esse teatro que ela constrói contribuem para o seu amadurecimento. Vemos, então, Gia se descobrir ao longo do livro, na busca por ser uma pessoa melhor. Isso faz com que seu mundo se abra para novas amizades, para novos valores e atitudes. No final, passei a gostar da garota.


Naquele instante eu entendi o Drew mais do que nunca. Sempre pensei que ele gostasse de criar confusão, mas talvez meu irmão só quisesse expressar uma opinião diferente. E talvez fosse a hora de eu começar a expressar a minha.


Hayden é uma amor, é um daqueles garotos nerds sexys que não sabem o poder que tem. A amizade que os dois desenvolve é sincera e sentimental, o que contribuiu muito para o desenvolvimento pessoal de ambos. Apesar das circunstâncias estranhas em que se conhecem, logo Gia começa a se envolver com a família do rapaz, que a ajuda a entender sua própria família, que já esta não é tão perteita quanto parece.


Pessoas melhores. O jeito como eles falavam me fazia querer tentar.


O livro é muito amorzinho. Torci muito por esse casal, e fiquei na expectativa para que as coisas se desenrolassem entre eles. Gostei que a autora não teve pressa de desenvolver o romance, então pude saborear a descoberta de novos sentimentos junto com os personagens. Devorei essa história de amor, que apesar de ter uma pegada bem teen é uma gracinha. A leitura é leve e rápida, amei!


4 comentários:

  1. Olá!
    Desde que esse livro foi lançado,eu me interessei (principalmente por essa capa linda). Embora eu ache que a história possui aqueles cliches adolescentes e lembre muito aqueles filmes de comédia romântica de sessão da tarde, eu ainda quero ler *-*
    Adorei sua resenha!

    Beijo, beijos
    relicariodehistoriama.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline, ele lembra sim os filmes de sessão da tarde, mas vale a pena a leitura.

      Beijos

      Lili

      Excluir
  2. Ooi! Eu quero muito ler esse livro. Fico receosa de me deparar com algum triângulo amoroso, mas por esse livro eu arrisco hehe Ele parece ser bem bacana e com mensagens legais sobre não se deixar influenciar por conta das opiniões dos outros e os rótulos.
    Parabéns pela resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ruhh, pode ler sem medo, que não chega a existir um triangulo amoroso de verdade. Sem contar, que a mensagem é bem legal.

      Beijos

      Excluir

© Meninas na Literatura | Layout por A Design e Ilustração por MK Designer